quem somos
núcleo evolução individual
núcleo empresarial
núcleo de educação
núcleo de saúde

Ritual Individual de Cura

Já existe comprovação científica da eficácia da participação individual na própria cura e manutenção da saúde, porém, ainda não sabemos como colocar isso em prática.
Este curso, realizado em 3 módulos, ensina diversas técnicas de meditação, mantras, respiração e visualização baseadas nos princípios da Teoria da Abrangência e reforçam as potencialidades vitais da pessoa.
A aprendizagem permite o acesso ao Ritual Individual de Cura, composto de duas etapas: geral e individualizada. Esta ferramenta se torna uma poderosa aliada ao restabelecimento da Saúde e contribui para a aceleração do seu processo de cura. 

 

Gestor do Corpo

De acordo com a Teoria da Abrangência, todo sistema, desde uma empresa até o corpo humano, é uma organização que garante a própria sobrevivência e visibilidade no meio ambiente. Isso é concretizado por um gestor, que é constituído de três braços, chamados de redes gerenciais. As três redes assumem a responsabilidade pela vitalidade do sistema dividindo-o em três áreas bem definidas: Transformação (Rede Material), Inovação (Rede Intelectual) e Conservação (Rede Institucional).


A Rede Material possibilita a existência individual e concreta do produto, que pode ser consumido e tem lugar garantido na vida do mercado consumidor. A Rede Intelectual desperta o desenvolvimento intelectual e destaca sua importância sem que se crie nada material. Essa função desenvolve a capacidade de comunicação, forçando o aparecimento de novos conhecimentos. A Rede Institucional proporciona a manutenção da vitalidade do sistema. Envolve a prestação de serviços que permitem a conservação do funcionamento.
Para mensurar as redes, a Teoria da Abrangência disponibilizou a Matriz Multidimensional, ferramenta exclusiva que se expressa por meio de nove quadrantes, os quais avaliam a vitalidade de qualquer sistema em determinado local. Com essa ferramenta, é possível definir com objetividade as mudanças que devem ser delineadas.


Sendo o corpo humano também um sistema, a análise das três redes gerenciais que o compõem define e avalia seu funcionamento e a sua saúde. No caso do corpo, o gestor comanda as três redes pelo cérebro. A Rede Material do corpo dá resposta ao mundo externo, pois está ligada à aprendizagem, ao crescimento do Eu e aos cinco sentidos. A sede anatômica da Rede Material é o córtex cerebral, que se divide em vários lobos, sendo que cada região está ligada a uma função. O lobo frontal está ligado à elaboração do pensamento, ao planejamento, à programação das necessidades individuais e à emoção. O lobo parietal, à sensação de dor, ao tato, à gustação, à temperatura, à pressão e à lógica matemática. O temporal vincula-se à audição, ao processamento de memória e à emoção. O lobo occipital, ao processamento de informação visual. E, por fim, o límbico está ligado aos aspectos dos comportamentos emocional e sexual.
A Rede Institucional do corpo cuida da vida celular - parte imunológica, metabolismo e hormônios - e do funcionamento autônomo do corpo. A sede anatômica da Rede Institucional é o Sistema Límbico e o Sistema Nervoso Autônomo.


A Rede Intelectual diz respeito ao contato com o alto (a espiritualidade) e com a regulação da espécie. Liga-se à espécie por meio do código genético. A Rede Intelectual é menos voltada para a individualidade, tendo em vista mais a espécie, mas mesmo assim exige uma ação voluntária, consciente e individual de inovação. A sede anatômica da Rede Intelectual é a glândula pineal.


A atuação do Gestor do Corpo pode ser compreendida pelo estudo da Matriz do Corpo, que também se expressa por meio de nove quadrantes, aos quais podemos associar os órgãos e suas funções. A matriz pode ser usada como um instrumento de diagnóstico e de orientação para tratamentos. Ela permite definir um "remédio" específico para o paciente, o que não atrapalha o tratamento convencional, ao contrário, complementa-o.Por meio da análise das respostas de um questionário com 75 perguntas, é possível determinar a energia utilizada por cada rede gerencial, assim como sua distribuição a cada quadrante (órgãos e funções). Com isso, em função da matriz e da doença atual, podem ser estipulados medicamentos específicos, que consistem em orientações sobre a adequação comportamental e indicações de meditações com o uso de mantras e mandalas.
Este trabalho já se tornou prático e está, desde 2006, à disposição de todos os interessados.

 

Texto: José Antonio Curiati, solariano, geriatra e doutor em medicina pela Faculdade de Medicina da USP.