edição nº 10 ano 2018
outros títulos do autor
Horóscopo chinês: características de cada signo
     
 
veja também
Milagroso mindinho
O desafio comum do resgate ambiental
Empatia
Máxima solariana nº19
Ritual da Alma: história e processo de criação

Tudo começou no ano de 2004, no curso Trabalho Alquímico Prático, de três anos de duração.


Em 2004, foram dados a introdução e os objetivos do curso. Estudamos a 5ª Dimensão/Gestor e recebemos as 11 Iniciações.


Em 2005, tivemos contato com a Matriz Energética: teoria, apresentação e aplicação. Foram feitos estudos individuais das matrizes dos 13 futuros sacerdotes, além da Meta Pessoal de cada um.


Em 2006, no último e decisivo ano: o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso). Era preciso criar e desenvolver um ritual de energização. Tinha chegado a hora do trabalho do sacerdócio. 


Havia muitas decisões a serem tomadas em grupo para a elaboração do ritual. Em dezembro, o ritual deveria ser apresentado na ONG Solaris, a solarianos e a convidados. A essa altura, o grupo se reunia no Solaris duas vezes por mês, com a supervisão e o acompanhamento da Mestra Sofia. De início, não tínhamos ideia de como seria o ritual. Nem sabíamos por onde começar. Podíamos usar todo o conhecimento recebido ao longo dos três anos de estudo, além do conteúdo dos outros cursos baseados na Teoria da Abrangência. O ritual deveria constar de um nome, uma introdução e uma apresentação, e ter três etapas (início, meio e fim). 


Resolvemos caminhar para as emoções, que vêm da alma. Um ritual para estabelecer um contato com a alma, inédito e inovador, já que ainda não existia nada do gênero em outras tradições espirituais, esotéricas, religiosas, etc. Nasceu, assim, o Ritual da Alma. 


A primeira parte do ritual está voltada para a limpeza da alma (das emoções negativas); a segunda parte, para a serenidade da alma (trazendo amor, vitalidade e bem-estar); e a terceira e última parte, para a alegria. Dessa maneira, o grande objetivo do Ritual da Alma é permitir um contato mais íntimo com a alma, com a emoção, a fim de mantê-la feliz e alegre, e alcançar um equilíbrio mais consistente. Para isso, utilizamos técnicas específicas: exercícios físicos, meditações e mantras, além da dança final.


Chegou o dia de apresentarmos o Ritual da Alma: a grande estreia. Resultado: todos gostaram e aprovaram! 


Durante esses oito anos, posso afirmar, em nome do grupo, que o Ritual da Alma cumpriu, e continuará cumprindo, seu grande objetivo: energizar a alma, entrar em contato com ela, equilibrar suas emoções, deixá-la mais feliz e alegre. Seguramente, as pessoas não saem do Ritual da Alma da mesma forma que entram. 


“Todos nós temos uma alma, que merece um bom tratamento, porém, nem sempre ela recebe este tratamento e, com isso, sofre”, eis uma boa máxima para o nosso ritual e para a nossa vida. Cuidemos bem de nossa alma, pois ela é nosso maior patrimônio.


Nosso grupo foi o quinto a criar um ritual para a ONG Solaris que, desde 2007, tornou-se efetivo .



 

Atualmente, participam do Ritual da Alma: Augusto Freire, Beth Stipp, Cassiana Nogueira, Eliana dos Santos, Elson Tang, Irene Monteiro, Renata Calixto, Rosa Fiore e Vera Sabadin.


Elson Tang

Comerciante. Tarólogo e professor de Tarô Egípcio.

Ingressou no Solaris em 1996, na turma da Teoria da Abrangência ministrada por Carmen Saez Dy Uai, a Shanghai.

Ministrou cursos de Tarô Egípcio, baseados na Teoria da Abrangência, nos anos 2006, 2007, 2011 e 2015.

 
 
Imprimir