edição nº 7 ano 2018
outros títulos do autor
Projeto Independência Empresarial
Missão Pessoal
Inteligência Espiritual
Alma Gêmea
Teoria da Abrangência
Solaris, uma escola iniciática
Empresa, uma escola iniciática?
Alquimia, a arte de Hermes
Alquimia Empresarial
Grupo de Saúde
     
 
veja também
Feng Shui: dicas práticas
Por que usamos incenso?
Máxima solariana nº18
Prontidão para mudanças

Dizem que o ser humano já nasce pronto, com seu destino traçado, porém isso não é verdade.  A mudança é possível. 


Vamos entender melhor como viabilizá-la. As pessoas que realmente querem mudar se tornam parte de uma categoria específica e particular chamada Homem de Conflito.


Normalmente a mudança começa com um forte desejo, embora nem sempre claro como finalidade. A pessoa sente um grande impulso para ingressar num novo caminho, bem diferente da vida “monótona” que leva. 


Mas a abertura para o novo não acontece só com o desejo e não anuncia necessariamente a sua chegada, embora os sinais sejam bastante evidentes.   


A abertura pode, por exemplo, vir por meio de uma perda, como um trabalho. Pode haver mudanças em função de algum rompimento familiar, como um divórcio ou a perda de um ente querido. A aposentadoria, que normalmente pega a pessoa despreparada para a nova vida, também pode ser um impulso.

Enfim, qualquer insatisfação com sua vida atual pode gerar a necessidade de mudança. Queremos realizá-la a qualquer preço, mas nem sempre nos mexemos.

 

Para reparar isso, sugiro um treinamento que deve ser feito antes de as buscas pelo novo começarem:


  • Eliminar as tensões do corpo. A tensão gera angústia, ansiedade e falta de vitalidade para participar ativamente da vida. Este estado cria um campo fértil para proliferação de intermináveis conflitos interiores. Ao eliminar as tensões, o corpo alcançará o estado de serenidade, sua condição ideal. A serenidade traz independência vital, gerando bem-estar e tranquilidade ao nosso organismo. Uma pessoa serena não se impressiona com aquilo que acontece no exterior e cabe a ela manter a paz e a harmonia dentro de si. Nada, nenhum problema pode perturbar o bom funcionamento do corpo. Como dizia o grande filósofo grego Epicuro: "felicidade é a ausência completa de dor".  


  • Estabelecer um estado de confiança. A confiança na conexão com o poder mental superior permite estar aberto para novas possibilidades, que aparecem sempre, mas muitas vezes não percebemos os sinais, pois nos preocupamos com uma enorme quantidade de pensamentos sobre o futuro, mesclados com lamúrias sobre o passado, que não pode mais ser alterado. Para isso, é importante manter o estado de Divina Presença, o qual deixa a pessoa preparada para qualquer participação na vida, sabendo o que e como expressar aquilo que sabe. Não há necessidade de pedir, mas apenas de estar pronta para receber o novo. O estado de confiança exige a abertura para o novo, uma mente preparada para a recepção dessa possibilidade. A confiança elimina a infindável conversa interior, permitindo que a pessoa esteja apta para participar de uma nova situação sem medo, pois estará certa da permissão de mudar. Dessa maneira, sua voz fica firme e aberta ao diálogo. A fala é clara, sem nenhuma emoção adicional, pois a paz e a serenidade proporcionam o combustível necessário.


  • Autoridade individual. Sua presença gera iniciativa e vontade de executar qualquer tarefa cotidiana da melhor maneira. Uma pessoa dotada de autoridade está sempre pronta para desencadear a ação. Sem isso, nada acontece. A autoridade individual garante estabilidade física, equilíbrio, bem como disposição para ação. Não existe cansaço, nem vacilo. 


Este treinamento é garantia de eliminação de conflitos que inviabilizam o estado de prontidão para mudanças. Do contrário, os caminhos permanecem fechados e o novo não aparece. Nós, solarianos, conhecemos muito bem essa prática por meio da presença do Eixo Vital. O contato permanente com ele é a conexão com nosso ser e com nossa felicidade. 

 

 

Sofia Mountian

Sofia Mountian dispensa maiores apresentações – criadora da Teoria da Abrangência, fundadora do Instituto Solaris, presidente da ONG Solaris e uma das sócias da Plênita Consultoria. Sofia, no intuito de esclarecer dúvidas sobre a Teoria da Abrangência, o crescimento do ser humano e assuntos de interesse dos solarianos, escreve mensalmente na Revista Solaris.

 
 
Imprimir