edição nº 12 ano 2017
outros títulos do autor
Respire fundo
Pés limpos
Ácaro, como se livrar dele
Reflexologia nas orelhas
Escovando a pele
Yacon, a batata light
Cuidando das cutículas
Ginástica Facial
Dicas para uma pele saudável
Um pouco mais de reflexologia
     
 
veja também
O poder dos limites
Carta aos filhos
Liberdade, que bicho é esse?
Máxima solariana nº11
E se o bico do sapato apertar

Já vimos em nossa coluna a importância de se cuidar da higiene dos pés, seja pelo uso do vinagre, seja mantendo-os sempre secos. Mas, além disso, devemos estar atentos na hora de comprar os sapatos.

Ortopedistas e podólogos observam que a escolha de um calçado adequado é fundamental para a manutenção da saúde dos pés, que, sendo a nossa base, influenciam todo o corpo. Para começar, devemos adquirir os sapatos no fim da tarde ou à noite, quando os pés já estão inchados. O modelo escolhido deve estar ajustado ao formato dos seus pés, quer dizer, não compre um esperando que ele se adapte depois: ande com ele pela loja e esteja certo de que é ideal a você. Por exemplo, deve haver uma sobra em relação ao comprimento de seu pé e o do sapato de cerca de 1cm – não use calçados muito justos nem muito largos –, os calcanhares devem estar confortáveis, assim como os dedos, que precisam de espaço para movimentar-se. Não se esqueça de experimentar o par de sapatos, pois nossos pés apresentam diferenças entre si.

Quanto ao salto, o ideal varia de 2 a 4cm. Os saltos muito altos devem ter seu uso restringido, sobretudo quando se fica muito tempo de pé. Caso, no entanto, tenha o hábito de andar com eles no cotidiano, procure ao menos não utilizar o mesmo modelo todos os dias, alternando-o com calçados de bases mais confortáveis.

Em relação aos bicos, evite os muito finos. Mas, se o bico do sapato apertar, ou se você pratica esportes de grande impacto, vai uma dica para evitar a lesão dos dedos: coloque um pequeno rolinho de algodão seco na região subungueal, debaixo das unhas, e nas suas laterais (figura abaixo). Desta forma você formará uma proteção que neutraliza o impacto do esporte ou a pressão do calçado.

Claro, massagens, compressas e descanso ideal, com os pés para cima, são práticas sempre positivas.

Com uma boa base, certamente andaremos sempre em frente.

Feliz 2011!

Maria Bové Martinez

Solariana, profa. de português, podóloga e terapeuta corporal da linha reichiana.

 
 
Imprimir