revista solaris

Surpresa

2024 tem sido uma correria danada, mas agora deu uma amenizada e vou aproveitar o intervalo para escrever sobre uma das minhas palavras favoritas, “surpresa”. Aliás, 2024 já na entrada trouxe surpresas maravilhosas – se fosse escrever sobre o começo do ano, o título seria: “Dois Hotéis, Um Cowboy e Nabokov”, vai ficar para outra ocasião.

O canto OM de monges budistas que escuto enquanto escrevo este artigo me surpreende! Ė bom demais (escute aqui).

“Surpresa” se origina do francês surprendre. Sur, sobre; prendre, prender, pegar. A palavra francesa, por sua vez, se origina do latim. Latim, já sabemos, é o nosso grande ancestral, então ela vem da palavra prehendere, prender, pegar. A explicação sobre a origem da palavra latina ilustrava um pequeno roteiro entre um mocinho e um vilão. O vilão escapava de todas as armadilhas do mocinho, mas o mocinho planejava o plano B e, quando o vilão menos esperava, tcham, tcham… caía na armadilha. Aí o mocinho prendia o vilão e final feliz; prendere: “surpresa”! Os romanos me dão a impressão de que eram do meu time, também associavam a palavra “surpresa” com o positivo.

A surpresa de ver a nascente do Rio Prata em Campos do Jordão.

A surpresa do meu bacalhau chiquérrimo (leia mais).

A surpresa da jogada excepcional do Kaká quando marcou um gol contra a Argentina, no qual driblou quase o campo inteiro sozinho. Eu assisti a esse jogo na casa de um argentino, o placar de 3×0 ficou ainda mais surpreendente… (veja aqui).

A surpresa de ver o time de basquete de Los Angeles, o Lakers, que ocupa o nono lugar da liga West, vencer os líderes das ligas East e West, fora de casa. E sem o Lebron James, nosso melhor jogador (veja aqui).

Surpresa é uma maravilha da criação e muitas virão pela frente, muito mais do que podemos imaginar.

Daniela Pompeu
Daniela Pompeu, brasileira-americana, neta, filha, sobrinha e irmã de jornalistas, mora em Los Angeles, Califórnia. Graduada em Inglês pelo Hunter College, Nova Iorque, com especialização em Literatura Medieval. Formada em Acting pelo Catherine Gaffigan Studio of Acting, Nova Iorque. Escreve um blog semanal: www.danielawrites.net . Autora dos livros "Tea with Dani", "It's with H, Sir" e "Never Let a Good Crisis Go to Waste, I Can't Stand the Bull Crap".
Compartilhe:

veja também

edições anteriores

outros títulos do autor

Segunda Surpresa

Decidi dedicar meus artigos de 2024 ao elemento surpresa. Escrevi sobre surpresa no mês passado

Bem-vindo

Bem-vindo, 2024, ano do Dragão, ano de eleição.Vamos ter bastante tempo para nos conhecermos. No

“Brasil”

Como diz o show Saturday Night Live, “Live from New York City!!”. Aqui estou eu,

“Samuel”

No meio desta confusão no final de 2023, reencontrei um herói. Fazia tempo que não

O Cinema

Outro dia fiz um passeio maravilhoso pela UCLA, provavelmente a faculdade mais famosa de Los

Beleza pura

Os dias vão passando, aqui neste momento a chuva vai caindo, estamos no meio do